Um mural de arte urbana que nos faz mergulhar nas águas do rio Águeda

 

No dia 19 de novembro, o município de Águeda assinalou o Dia Mundial do Saneamento com a inauguração de um mural de arte urbana que recria um aquário e pretende sensibilizar a comunidade para a importância da preservação do ambiente.

 

Esta iniciativa foi realizada em parceria com a Águas do Centro Litoral e contou com o talento do artista urbano Tiago Hacke.

 

Comenta quem já a visitou que esta pintura, que preenche a parede interior do túnel junto ao posto de turismo e, a partir de agora, integra o roteiro de arte urbana da cidade, “transmite a sensação de caminhar dentro de água”.

 

Um autêntico “mergulho” no rio Águeda, já que algumas das espécies nativas daquele curso de água – como o trintão, ruivacos, bogas, lúcios, barbos, lampreia, lontra e o guarda-rios – estão ali representadas.

 

Em comunicado, a câmara municipal sustenta que a escolha de Águeda para acolher este evento simbólico de comemoração do Dia Mundial do Saneamento é um “reconhecimento pelo trabalho realizado pela autarquia na área ambiental e de sustentabilidade, nomeadamente nas ações de sensibilização junto da comunidade, de que é exemplo o aumento da rede de eco-escolas no concelho”.

 

Para terminar a obra, o artista Tiago Hacke contou com a ajuda de um grupo de alunos da Escola Básica Fernando Caldeira, do Agrupamento de Escolas de Água, grupo esse que, mais tarde, ainda se encarregou de pintar algumas sarjetas da cidade.

 

Sob o mote “O mar começa aqui – O mar começa em ti”, esta ação quis realçar a importância das sarjetas e sumidouros, alertando a comunidade para “a problemática dos resíduos sólidos indevidamente rejeitados na via pública e saneamento, entre eles, beatas, plásticos, pastilhas, palhinhas”, explica a autarquia.

 

No âmbito desta ação, foi também assinada a renovação do protocolo de colaboração ambiental entre a Águas do Centro Litoral e a Associação da Bandeira Azul da Europa, que visa “a adoção de boas práticas em prol da gestão eficiente do ciclo urbano da água”.

 

Publicação no perfil do artista no Instagram

Partilhar

Post a Comment