Aveiro orgulhosa da distinção atribuída pela Universidade de Harvard

 

 

 

A forma como o projeto Aveiro Tech City conseguiu envolver as pessoas mereceu o reconhecimento da Universidade de Harvard, que distinguiu a cidade da ria com o “Prémio Inovação no envolvimento comunitário”. O galardão foi atribuído pela Centro de Tecnologia e Empreendedorismo de Harvard na terceira edição dos Annual City Innovation and Innovator Awards, prémios que distinguem as cidades pela forma como abordam os desafios da inovação urbana, inclusão social e transformação tecnológica.

 

José Ribau Esteves, presidente da Câmara Municipal de Aveiro, afirma que “é com um enorme orgulho e uma grande satisfação” que a edilidade recebe esta distinção “por parte de uma das instituições mais reputadas em todo o mundo”. “Este prémio traz-nos também a certeza de que estamos a conseguir posicionar a cidade de Aveiro na vanguarda do desenvolvimento tecnológico, disponibilizando projetos que ajudam de facto as pessoas no seu dia-a-dia, fazendo com que Aveiro seja uma cidade melhor para viver e para visitar”, destaca.

 

O anúncio deste prémio foi feito esta quinta-feira, na conferência de imprensa que serviu, também, para assinalar dois anos de Aveiro STEAM City, parte integrante do Aveiro Tech City. Foram mais de duas dezenas as iniciativas implementadas, em torno dos eixos Educação, Formação, Tecnologia e Desafios.

 

No eixo da Educação, destacam-se os Tech Labs cujo objetivo passa por formar jovens para o futuro do mercado de trabalho. Na Formação, a criação de novas oportunidades de carreira estão na base do Tech City Bootcamp. O Aveiro Tech City Lab integra o terceiro eixo, Tecnologia, Serviços e Aplicações, que tornou a cidade no primeiro laboratório vivo de rede experimental 5G em Portugal. O Orçamento Participativo com Ação Direta (OPAD), que convida à participação ativa dos cidadãos é outro motivo a destacar, desta vez no eixo Desafios. Com sete projetos apoiados na 1ª edição, o Orçamento Participativo com Ação Direta (OPAD) vai alocar um apoio extraordinário aos projetos concorrentes fixando o valor de financiamento em 150 mil euros.

 

O Aveiro Tech City tem neste momento um investimento global de 9 milhões de euros, em que 6,1 milh~es correspondem ao Aveiro STEAM City, cofinanciado pelo Fundo de Desenvolvimento Regional – FEDER, através do programa Urban Innovative Actions em 4,8 milhões.

Partilhar

1 Comment

  • Avatar
    Marcos Muge
    18 de Março, 2021

    O presidente da câmara Municipal de Aveiro Ribau Esteves, não responde a nenhum dos emails que lhe envio de projetos culturais, sendo eu descriminado por motivos políticos. É mentira que dá apoio aos cidadãos, pois tudo funciona pelos interesses cinzentos políticos

Post a Comment