Museu de Aveiro/Santa Joana prestes a atingir melhor ano de sempre

 

 

 

 

Durante o primeiro semestre deste ano, o Museu de Aveiro/Santa Joana contabilizou um total de 30.080 visitantes, número que leva a autarquia a prever que 2022 seja o melhor ano de sempre em termos de afluência de público.

 

Um crescimento que ajuda a comprovar os ganhos conseguidos com a “municipalização” da unidade museológica – a 30 de Julho de 2015 a Câmara de Aveiro e o Governo de Portugal assinaram o contrato interadministrativo de delegação de competências. Isso mesmo foi enfatizado por Ribau Esteves, presidente da autarquia, na sessão pública de assinatura do auto de efetivação da transferência da competência deste museu para a câmara municipal.

 

O ato público decorreu esta segunda-feira, na unidade museológica aveirense, e contou com a presença no ministro da Cultura, Pedro Adão e Silva e da ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, que fizeram questão de considerar o Museu de Aveiro um exemplo de sucesso no processo de descentralização.

 

Ribau Esteves elencou os ganhos alcançados nestes sete anos de gestão municipal – e entre os quais se incluem também a maior divulgação do museu, assim como um maior investimento na conservação e restauro da coleção -, sem deixar de reparar que “ainda há preconceitos em Portugal relativamente à descentralização”. “Descentralizar não é despromover”, alertou, notando que “o país ainda tem a doença do centralismo”.

Partilhar

Post a Comment