AveiroMag AveiroMag

Magazine online generalista e de âmbito regional. A Aveiro Mag aposta em conteúdos relacionados com factos e figuras de Aveiro. Feita por, e para, aveirenses, esta é uma revista que está sempre atenta ao pulsar da região!

Aveiro Mag®

Faça parte deste projeto e anuncie aqui!

Pretendemos associar-nos a marcas que se revejam na nossa ambição e pretendam ser melhores, assim como nós. Anuncie connosco.

Como anunciar

Aveiro Mag®

Avenida Dr. Lourenço Peixinho, n.º 49, 1.º Direito, Fracção J.

3800-164 Aveiro

geral@aveiromag.pt
Aveiromag

Vanessa Alfaro: “O segredo do sucesso é mantermos a nossa essência”

Sociedade

Vanessa Alfaro tem 34 anos, nasceu na Alemanha e vive em Portugal desde 2003. Começou por criar a página “Shape Your Body” e estudou Línguas e Relações Internacionais na Universidade de Aveiro. Trabalhou como tradutora, foi modelo fotográfico e fez trabalhos de promoção de eventos, tendo sido em 2016 que começou como blogger a 100 por cento. Pesava 72 quilos, mas apaixonou-se pelo universo fitness e, em quatro meses, perdeu 20 quilos.

 

Aurora Criativa

 

Foi há precisamente dez anos que Vanessa Alfaro se iniciou como influenciadora. Na altura fê-lo porque decidiu alterar completamente o seu estilo de vida. “Eu era uma pessoa que não tinha cuidado nenhum com a alimentação”, confessa, recordando que, com a entrada na faculdade, as coisas a esse nível começaram a piorar. “E em casa também, porque não havia um cuidado da minha mãe; eu era uma pessoa muito descuidada, não tinha horas para comer, bebia muito álcool...vida universitária!”, reconhece.

Foi quando uma amiga começou a ser acompanhada por profissionais da área de nutrição que lhe deu “o clique”. “Bem, vou tentar também”, pensou, embora admita que nunca havia sentido quaisquer complexos ou vergonha do seu corpo. “Foi uma espécie de desafio a que me propus; olha, bora lá tentar, vamos ver no que isto dá”. E a verdade é que se focou e dedicou tanto àquele processo que afirma ter-se “viciado” na alimentação saudável e no exercício físico. “Mudei de um dia para o outro”, revela. A amiga acabou por desistir passado algum tempo, mas Vanessa levou o desafio até ao fim e, passados quatro meses e meio, perdeu cerca de 20 quilos.

Quando partilhou este processo nas redes sociais, deu-se o “boom”. Começou a ser convidada por vários programas de televisão para dar entrevistas e partilhar publicamente a sua experiência, o que acabou por ser determinante no seu crescimento digital.

Vanessa Alfaro destaca a enorme procura que sentiu por pessoas que viam em si uma grande inspiração e que acabaram por lhe pedir ajuda. “Ou seja, eu também me sentia motivada, porque as pessoas me passavam essa motivação; isso deu-me força para continuar e assumir aquele compromisso; e rapidamente as minhas redes começaram a crescer imenso”, revela.

As suas receitas fizeram muito sucesso pela sua praticidade. “Porque eu não gostava de passar muito tempo na cozinha; detestava cozinhar, aliás; não estava habituada a cozinhar em casa; era só à base de comidas rápidas, refeições pré-feitas, muitos processados...”, conta Vanessa, admitindo que acabou por ganhar “um grande amor” pela cozinha.

 

 

“Há dias em que não me apetece partilhar nada”

Questionada sobre as críticas, a influencer congratula-se pela sua quase inexistência. “Nunca tive grandes críticos ou haters; as pessoas até podem falar mal, mas não a mim; não mo dizem, portanto, é algo que não me afeta; quando acontece, a forma que tenho de lidar com essas pessoas é bloqueá-las e ignorar”, partilha, compreendendo que existam pessoas que não apreciem os seus conteúdos. “Eu também não gosto de determinadas páginas e simplesmente não as sigo”, diz.

Começou este percurso sozinha, mas atualmente tem uma equipa a trabalhar consigo, composta pelo marido e uma amiga. “O meu marido também é muito criativo; confesso que essa parte da criatividade nem sempre é fácil; é preciso termos tempo para nós, viajar muito, conhecer a gastronomia de outros países...”, explica.

Quanto à forma como se desenvolve o seu processo criativo, a criadora realça a importância de pensar numa ideia que vá funcionar e faça a diferença, de forma a manter as pessoas interessadas. As tendências que segue assentam naquilo que sente e gosta de fazer, associando-se apenas a marcas com as quais se identifica. “Não faz sentido trabalhar com uma marca que não me diz nada apenas por dinheiro; já estou há tantos anos no digital que as pessoas já me conhecem bem, pelo que tenho que ter muito cuidado na forma como comunico”. Com efeito, ao longo do seu percurso, foram algumas as parcerias que recusou por não se identificar com as marcas. “Não vale o dinheiro, porque depois vou acabar por perder a minha comunidade e não é esse o meu objetivo”, sublinha, apontando como segredo de uma mensagem bem passada “sermos sempre nós próprios e mantermos a nossa essência”.

Até porque, como confessa, há dias em que não lhe apetece partilhar nada. “Antigamente, fazia-o por obrigação; todos os dias tinha que estar ativa nas redes; hoje em dia isso já não se torna uma obrigação para mim, também porque acho pouco natural”. Além disso, acrescenta, o digital está muito diferente do que era. “As pessoas hoje acabam por seguir o que é mais orgânico, o que sai naturalmente”, reforça.

Portanto, o que considera que fideliza a sua comunidade de seguidores é precisamente ser ela própria. “Mostrar o meu dia-a-dia exatamente como ele é, sem muitos rodeios; também partilho quando tenho dias maus, porque é normal acontecer, e as pessoas identificam-se muito com isso, porque sabem que não existem vidas perfeitas; antigamente, era muito isso que o Instagram passava: vidas perfeitas”, aponta.

Vanessa Alfaro tem por hábito partilhar uma frase motivacional pela manhã e, se há um dia ou outro que não o faz, as pessoas notam essa falta. “É sinal que vêem em mim uma amiga, e isso dá-me ainda mais motivação para não falhar a minha partilha, porque essas pessoas merecem”, diz.

 

Festa Publicidade

Ajudar a mudar vidas

Aquando do seu processo de perda de peso, algumas seguidoras partilhavam consigo o seu antes e depois. “O facto de terem mudado as suas vidas e me agradecerem por isso é muito gratificante”, admite a influenciadora.

Apesar de dizer que sempre partilhou tudo da sua vida, Vanessa admite que isso tem vindo a mudar. “Já não partilho assim tanto a minha vida amorosa; antigamente partilhava imenso e as pessoas adoravam ver; a parte familiar também não partilho muito, é mais restrita...”, explica.

Para maio, está previsto o lançamento de uma nova coleção sua, de um produto novo. “Também pretendemos que a nossa ‘Aurora’ cresça”, acrescenta. Refira-se que ‘Aurora’ é o seu espaço para eventos, formações, team buildings, sessões fotográficas, apoio a marcas, gestão de redes sociais.

E se esta profissão de ‘influencer’ acabar um dia?, questiono. “Acho que isso nunca acontecerá; seria um problema global, tanto para os próprios influenciadores, como para as empresas e marcas”, considera, sublinhando a importância da adaptação aos novos tempos. “As pessoas consomem muito, adoram seguir, adoram as dicas que passamos, e há espaço para toda a gente”, frisa, admitindo nunca ter sido sua intenção fazer disto profissão. “Era apenas um hobby, até porque tinha vários empregos na altura: fazia promoções de eventos, vendas em supermercados, presenças em discotecas, era tradutora no Tribunal de Aveiro e no Tribunal de Braga, trabalhava numa loja de fatos... entretanto, decidi ir-me despedindo dos vários trabalhos, porque não conseguia conciliar com o digital, até que deixei mesmo tudo e comecei a dedicar-me exclusivamente às redes; trabalhar com marcas das quais era cliente foi um sonho”, admite.

 

Apelo a contribuição dos leitores

O artigo que está a ler resulta de um trabalho desenvolvido pela redação da Aveiro Mag. Se puder, contribua para esta aposta no jornalismo regional (a Aveiro Mag mantém os seus conteúdos abertos a todos os leitores). A partir de 1 euro pode fazer toda a diferença.

IBAN: PT50 0033 0000 4555 2395 4290 5

MB Way: 913 851 503

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são de preenchimento obrigatório.