AveiroMag AveiroMag

Magazine online generalista e de âmbito regional. A Aveiro Mag aposta em conteúdos relacionados com factos e figuras de Aveiro. Feita por, e para, aveirenses, esta é uma revista que está sempre atenta ao pulsar da região!

Aveiro Mag®

Faça parte deste projeto e anuncie aqui!

Pretendemos associar-nos a marcas que se revejam na nossa ambição e pretendam ser melhores, assim como nós. Anuncie connosco.

Como anunciar

Aveiro Mag®

Avenida Dr. Lourenço Peixinho, n.º 49, 1.º Direito, Fracção J.

3800-164 Aveiro

geral@aveiromag.pt
Aveiromag

A poesia do rock vai estar em palco, no Teatro Aveirense

Palcos

Depois do Porto é agora a vez de Aveiro receber o espetáculo ESTRO/WATTS - Poesia da Idade do Rock. Um espetáculo do Teatro Experimental do Porto, que volta a juntar o encenador Gonçalo Amorim e o músico Paulo Furtado (The Legendary Tigerman). A apresentação está marcada para esta sexta-feira (21h00), no Teatro Aveirense.

A produção parte da obra “Estro In Watts - Poesia da Idade do Rock”, de João de Menezes-Ferreira, e tem vindo a surpreender o público pelo poder da palavra e da música. “É um espetáculo de spoken word, com uma dramaturgia sonora e isso tem tido impacto do público”, realça Gonçalo Amorim, a propósito do espetáculo que também surpreende pela qualidade das traduções dos poemas que são apresentados (no final, a audiência é brindada com um pequeno livro com as letras originais e a tradução).

Em causa estão poemas de músicas de Bob Dylan, Patti Smith, Johnny Rotten, Leonard Cohen, David Byrne, Laurie Anderson, entre outros, cuidadosamente selecionados pelos diretores do espetáculo e atores. “Foi uma seleção um pouco emocional. Acho que todos nós fomos escolhendo coisas que nos diziam algo”, frisa Paulo Furtado.

O resultado aí está, prestes a ser apresentado no palco do Teatro Aveirense. “Uma espécie de uma ópera moderna, um recital de poesia em que vamos também quase de um aspeto museológico ao concerto rock”, sublinha Gonçalo Amorim.

Uma nova dimensão

ESTRO/WATTS - Poesia da Idade do Rock estreou no passado mês de novembro, no Rivoli. Chegou a ter estreia prevista para março, mas a pandemia forçou o adiamento. “Voltar a ele exigiu, de toda a gente, um grande trabalho de preparação”, refere Paulo Furtado, reconhecendo, no entanto, que este desfasamento até acabou por dar uma “maior dimensão aos textos e ao próprio espetáculo”. “Acho que há poemas que ressoam de uma maneira muito diferente em nós e no público, depois de tudo aquilo que vivemos nos últimos tempos”, especifica.

ESTRO/WATTS - Poesia da Idade do Rock tem a particularidade de contar com a participação de uma artista aveirense, a Susie Filipe (dos Moonshiners). Ingredientes mais que suficientes para assistir à sua apresentação no Teatro Aveirense. Os bilhetes para o espetáculo custam 5 euros.

* Créditos das fotos: José Caldeira
Festa Publicidade

Apelo a contribuição dos leitores

O artigo que está a ler resulta de um trabalho desenvolvido pela redação da Aveiro Mag. Se puder, contribua para esta aposta no jornalismo regional (a Aveiro Mag mantém os seus conteúdos abertos a todos os leitores). A partir de 1 euro pode fazer toda a diferença.

IBAN: PT50 0033 0000 4555 2395 4290 5

MB Way: 913 851 503

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são de preenchimento obrigatório.