AveiroMag AveiroMag

Magazine online generalista e de âmbito regional. A Aveiro Mag aposta em conteúdos relacionados com factos e figuras de Aveiro. Feita por, e para, aveirenses, esta é uma revista que está sempre atenta ao pulsar da região!

Aveiro Mag®

Faça parte deste projeto e anuncie aqui!

Pretendemos associar-nos a marcas que se revejam na nossa ambição e pretendam ser melhores, assim como nós. Anuncie connosco.

Como anunciar

Aveiro Mag®

Avenida Dr. Lourenço Peixinho, n.º 49, 1.º Direito, Fracção J.

3800-164 Aveiro

geral@aveiromag.pt
Aveiromag

Ipatimup vem a Aveiro para “Tratar o cancro por tu”

Saúde

Depois de duas edições de grande sucesso, a iniciativa do Ipatimup (Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto) “Tratar o cancro por tu” volta a saltar os muros dos laboratórios e dos consultórios para percorrer o país e debater com a população os mais recentes avanços científicos e médicos na área do cancro. Entre janeiro e abril, os cientistas do Ipatimup e alguns dos melhores especialistas locais estarão em seis cidades para falar sobre cancros da próstata, mama, cólon, sistema endócrino, pulmão e tumores pediátricos. A segunda sessão, sobre cancro da mama, realiza-se em Aveiro.

A 1 de fevereiro, pelas 18h30, no Auditório do Instituto Superior de Contabilidade e Administração da Universidade de Aveiro, marcam presença os especialistas Manuel Sobrinho Simões, Fernando Schmitt, Joana Paredes e Teresa Santos, com moderação dos jornalistas da Antena 1, Tiago Alves e Miguel Soares.

Seguem-se sessões sobre cancro do cólon, no Funchal, sobre tumores endócrinos, na Covilhã, cancro do pulmão, em Braga, e tumores pediátricos, em Faro. As sessões serão sempre às quintas-feiras, às 18h30.

Canal Publicidade

Com estas sessões, explica José Carlos Machado, membro da Direção do Ipatimup, “o objetivo é informar e esclarecer algumas ideias erradas sobre o cancro. Ter cancro não significa morrer. Apesar de se prever que o número de casos de cancro aumente cerca de 50 por cento até 2040, a taxa de mortes por cancro vai baixar cerca de dois por cento por ano, mostrando que os progressos científicos e médicos na prevenção e no tratamento têm dado resultados. Estas sessões são para todos, porque todos podemos ter cancro. Uma das coisas mais importantes que sabemos é que um doente com cancro bem informado é um doente com mais probabilidades de se curar. A informação é uma arma poderosa na luta contra o cancro”.

No início do ano de 2024 será também lançado o livro “Tratar o cancro por tu”. Com coordenação científica de Manuel Sobrinho Simões, coordenação editorial de Luísa Melo, Nuno Marcos e Nuno Ribeiro e edição da Idioteque, o livro reúne os conteúdos fundamentais das duas primeiras edições do evento e pretende ser mais uma forma de promover a literacia em cancro, de forma a alcançar um público ainda mais alargado.

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são de preenchimento obrigatório.