AveiroMag AveiroMag

Magazine online generalista e de âmbito regional. A Aveiro Mag aposta em conteúdos relacionados com factos e figuras de Aveiro. Feita por, e para, aveirenses, esta é uma revista que está sempre atenta ao pulsar da região!

Aveiro Mag®

Faça parte deste projeto e anuncie aqui!

Pretendemos associar-nos a marcas que se revejam na nossa ambição e pretendam ser melhores, assim como nós. Anuncie connosco.

Como anunciar

Aveiro Mag®

Avenida Dr. Lourenço Peixinho, n.º 49, 1.º Direito, Fracção J.

3800-164 Aveiro

geral@aveiromag.pt
Aveiromag

Jeanne Waltz na antestreia do filme “O vento assobiando nas gruas”

Artes

 

 

Esta terça-feira, dia 27 de fevereiro, pelas 21h30, o Teatro Aveirense recebe uma exibição especial do filme “O vento assobiando nas gruas”, com a presença da realizadora Jeanne Waltz.

Antecedendo o momento do filme, a realizadora Jeanne Waltz participará numa mesa redonda, também no Teatro Aveirense, pelas 18h15, moderada por Eugénia Pereira, docente do Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro.

O filme é baseado no romance com que Lídia Jorge ganhou o Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores em 2003.

“O vento assobiando nas gruas” é uma obra que acontece no Algarve, nos finais dos anos 90. Após a morte da avó, Milene – uma jovem forte e cheia de vida apesar de uma ligeira deficiência mental – divide a sua vida entre a sua família de notáveis e uma família cabo-verdiana, que vive numa antiga fábrica e que conheceu quando a sua avó morreu. “O vento que assobia nas gruas” mergulha-nos no mundo de duas famílias, tendo como pano de fundo o passado recente de Portugal. Um filme e um livro ancorados sobre dois mundos - um mundo contemporâneo, envolvido com a transformação acelerada da Terra, movido pelo instinto selvagem de futuro, e um outro mais antigo, onde a história de uma velha fábrica se cruza com a sorte de uma família numerosa, recém-chegada de África.

A atriz Rita Cabaço interpreta a figura de Milene Leandro, a rapariga singular, para quem tudo nasce pela primeira vez, e que, na simplicidade do seu juízo, acabará por obrigar os outros à revelação de si mesmos.

No filme, participam igualmente os atores Milton Lopes, Maria Fortes, Beatriz Batarda, João Lagarto, Carla Maciel, Cucha Carvalheiro e Ana Zanatti, entre outros.

Campus Jazz Publicidade

Jeanne Waltz nasceu em 1962 em Basileia, Suíça. Entre 1981-88 estudou japonês e dirigiu um cinema em Berlim. Desde 1989 vive e trabalha em Portugal, tendo realizado, anteriormente, Daqui p´ra alegria (2004) e Nada Meiga (2007). Como argumentista, escreveu obras cinematográficas de José Álvaro Morais, Joaquim Pinto, Manuel Mozos, Paulo Rocha e Solveig Nordlund.

A exibição do filme será precedida da projeção da curta-metragem de animação “O Antiquário” do decano do cinema de animação português Manuel Matos Barbosa. Este filme teve a sua estreia no Festival de Cinema de AVANCA.

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são de preenchimento obrigatório.