AveiroMag AveiroMag

Magazine online generalista e de âmbito regional. A Aveiro Mag aposta em conteúdos relacionados com factos e figuras de Aveiro. Feita por, e para, aveirenses, esta é uma revista que está sempre atenta ao pulsar da região!

Aveiro Mag®

Faça parte deste projeto e anuncie aqui!

Pretendemos associar-nos a marcas que se revejam na nossa ambição e pretendam ser melhores, assim como nós. Anuncie connosco.

Como anunciar

Aveiro Mag®

Avenida Dr. Lourenço Peixinho, n.º 49, 1.º Direito, Fracção J.

3800-164 Aveiro

geral@aveiromag.pt
Aveiromag

Cais dos Bacalhoeiros acolhe artistas de circo durante dez dias

Artes

João Versos Roldão

 

De 19 a 28 de junho, o Município de Ílhavo acolhe duas residências artísticas de um projeto exploratório para o circo europeu, o Hand to Hand, um projeto de investigação e criação que promove momentos de experimentação, espaços de formação e cruzamento entre diferentes setores de atividade para refletir sobre ecologia social.

Depois de uma visita exploratória, que aconteceu em março deste ano, e em que oito artistas emergentes de circo contemporâneo, cuja prática criativa incide sobre o espaço público, visitaram vários espaços do Cais dos Bacalhoeiros, na Gafanha da Nazaré, dois deles, Amir Guetta e Juana Ortega Kippes, regressam para uma residência intensiva empresa de bacalhau GRUPEIXE. Os dois artistas de circo acolhidos em Ílhavo serão apoiados pela mentora artística do projeto (Delphine Lanson) e pela investigadora residente (Nathalie Blanc), que darão o seu contributo para o teste e avaliação de metodologias de criação artística inovadoras em interligação com o setor de atividade. Amir Guetta (FR/IL) é acrobata, bailarino e músico. A sua jornada artística pelo movimento começou com a capoeira aos 13 anos de idade. Depois de explorar a dança, as artes marciais e o parkour, dedicou-se ao circo. Juana Ortega Kippes (ES/AR) formou-se em Hatha Yoga na Índia, especializou-se em equilíbrio sobre as mãos e contorcionismo, em Bruxelas, com Slava Kukushkin (ESAC) e em dança contemporânea no DansCentrumJette. Mudou-se para Toulouse, onde continuou a sua formação com Pascal Angelier (Toulouse-Occitanie Ésacto’Lido). Ao mesmo tempo, interessou-se pela dança butoh, através da qual desenvolveu as suas técnicas de contorcionismo e explorou contextos experimentais.

Estas residências acontecem no contexto do Hand to Hand, um projeto cofinanciado pela União Europeia, organizado pela Bússola (organização de desenvolvimento de projetos artísticos que organiza o LEME em parceria com o 23 Milhas) com outros parceiros europeus que atuam nos domínios do circo e das artes performativas: a Le Palc – Pôle national cirque Châlons en Champagne (França), a Helsingør Teater (Dinamarca) e a ROOM 100 (Croácia). Tem o apoio da ARTCENA (França), do CNAC – Centre national des arts du cirque (França), do Institut Français (França), do Furies (França) e do Município de Ílhavo, através do 23 Milhas.

Em sequência destas residências artísticas, o LEME, festival de circo contemporâneo, que decorre entre 5 e 8 de dezembro de 2024, em Ílhavo, acolhe os espetáculos finais destes artistas. A estreia será na Dinamarca, em agosto.

 

 

Festa Publicidade

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são de preenchimento obrigatório.